Guilherme

 

Olá pessoal este relato eu achei no internet e irei colocar agora para vocês.

O fato que vou contar agora aconteceu em 30 de maio de 2004.

Moro neste apartamento com meu marido e filha há quase um ano, e até então nada de estranho havia acontecido lá.

Era um domingo, à noite, e meu marido tinha ido dormir com nossa filhinha de um ano no nosso quarto, e eu tinha ficado na sala de televisão, que fica de frente para o quartinho da minha filha. Todas as luzes da casa estavam apagadas, somente a TV estava ligada. Eu estava deitada no sofá, e de repente resolvi me levantar para ir ao meu quarto ver se minha filha já tinha adormecido, para eu colocá-la no berço. Quando eu passei em frente à porta do quarto dela, que estava aberta, algo me chamou a atenção para dentro do quarto, como se fosse um suspiro de alguém.

Pensando ser a minha filha, imediatamente cheguei na porta do quarto, sem acender a luz. Quando olhei para dentro do berço, iluminado apenas pela luz da TV que vinha da sala, minhas pernas ficaram bambas, quase desmaiei com o que vi: havia um bebê no berço, mas não era a minha filha! Era uma criança muito branca, careca, em pé segurando nas grades do berço, olhando pra mim…

A única reação que tive foi correr para o meu quarto e olhar minha filha, que estava dormindo tranqüilamente na cama, abraçada com o pai…

Voltei então ao quarto dela, morrendo de medo, mas ainda assim tomei fôlego e acendi a luz. Não havia mais nada no berço…

Ninguém para quem eu contei acreditou nesse fato, meu marido até riu de mim. Mas eu tenho certeza do que eu vi, eu não sou louca nem estava dormindo. Havia uma criança no berço da minha filhinha aquela noite.

Até hoje ouço barulhos estranhos no quarto dela, e depois disso uma caixinha de músicas que ela ganhou de presente começou a tocar sozinha…